Maquiagem, Resenhas

Resenha: How About the Apples da The Balm

29/11/2017
Eu amo a The Balm e sempre tenho a sensação de que a marca não tem o hype/ sucesso que merece aqui no Brasil.
Eu uso vários produtos da marca no meu dia a dia, uso tanto em mim, quanto profissionalmente. O meu amor maior é o iluminador Mary-Lou, mas num geral, pra mim, a The Balm é a marca que consegue fazer a paletas mais inteligentes e autossuficientes que eu conheço.
Essa é uma paleta de blushes que também pode ser usada como batom. Ela tem seis cores e dessas seis apenas uma tem brilho.

A embalagem é linda e divertida, o que já é marca registrada deles. Ela é daquele papelão resistente e apesar de já ter mais de um ano ela continua inteira. Mesmo sendo usada profissionalmente, e acredite: isso acaba com qualquer embalagem. Acho até que ela é bem firme, mas me incomoda um pouco o fato dela ir ficando suja bem rápido, e uma parte dessa sujeira não vai embora nunca mais… Pra deixar quase perfeita eu passo loção micelar nela de vez em quando, mas gente… eu sou meio louca né! hahahahaha Não gastem a loção micelar de vocês com isso tá!
Como vocês podem ver a paleta está bem usada e tanto ‘sujinha’, o sujinha está entre parênteses pois todas as vezes que utilizo a paleta sempre borrifo alcool 70 e deixo aberta secando 😉
Mas mesmo assim dá pra ver umas manchinhas de base em algumas cores, é que as vezes na correria eu uso o pincel de base (normalmente um duo-fiber) para pegar o blush.
A paleta é super pigmentada e os blushes são bem molinhos então não dá pra ir pegando com vontade não… Eu vou bem aos pouquinhos, pego uma quantidade quase inexistente de produto espalho e se quiser mais cor vou aplicando mais produto.
A pigmentação é forte mas o produto faz uma camada finíssima na pele, então caso você queira bastante cor eu acho melhor usar várias camadas do que uma camada grossa. Na verdade acho que essa dica vale para qualquer maquiagem à base de cera. Se você usar uma camada grossa de produto ele não irá assentar na pele, mas se você aplicar camadas finas ele vai ficar com acabamento bonito e no mesmo lugar por horas. Normalmente maquiagens que vem em pans e potinhos com textura firme costumam ser à base de cera, a maioria das maquiagens profissionais é pois o produto consegue ter uma pigmentação maior.

Aqui os swatches dos blushes do lado esquerdo: Cider, Pie e Candy. Coloquei cada cor espalhada no lado esquerdo e concentrada no lado direto de cada swatch.

Aqui as cores do lado direito da paleta: Cobbler, Crisp e Caramel. A única cor que tem brilho é a Crisp, essa do meio. É até um blush bonito, mas confesso que é o que eu menos uso… Eu prefiro usar blush sem brilho e depois escolher as regiões que eu quero que brilhem e aplico iluminador. Assim acho mais fácil de não ressaltar alguma imperfeição da pele, como poros dilatados, por exemplo.
Pode não parecer, mas eu uso muito essa paleta em todos os tons de pele, a cor Cobbler aparece mesmo nas peles mais escuras, e num geral as cores mais claras aparecem bem também.
As cores que eu mais uso e amo são: Cider, Cobbler e Caramel.
Eu imagino que muita gente não tenha o hábito de usar blush cremoso, mas gente é maravilhoso! Mesmo tendo a pele oleosa – até porque normalmente as camadas são bem finas, e hoje em dia é muito mais fácil encontrar blushes cremosos que ficam com a sensação sequinha na pele após espalhar. O Blush cremoso sozinho fica muito mais natural do que qualquer blush em pó, dá aquele efeito ‘naturalmente corada’. E quando quero uma super ultra mega duração na maquiagem (o que eu sempre quero profissionalmente!) eu sempre aplico uma camada de blush cremoso e depois aplico blush em pó, assim a maquiagem dura o dobro do tempo.
Como batom eu acabo não usando tanto, por terem uma consistência muito ‘molinha’ eles ficam bem cremosos nos lábios e acabam não durando muito. Quer dizer, isso se você usar uma quantidade maior do que a das bochechas, né. Se você usar pouquinho fica com um efeito stain que dura bastante tempo. 
RESUMINDO: A paleta é ótima, a embalagem é linda, as cores são bonitas e pigmentadas a quantidade que vem é boa (mais de 3g por blush) e rende demais. Se você é maquiador, ou por algum acaso maquia pessoas de muitos tons de pele essa paleta é um ótimo investimento! Mas para pessoas que não trabalham com isso eu acho um pouco de exagero comprar paleta de blushes, não só essa, mas paletas de blush num geral mesmo.
Mas mesmo assim recomendo pra todo mundo testar um blush cremoso!!! É muito bom gente! Sem contar que a aplicação é rápida e pode ser feita com os dedos mesmo.
Esta paleta custa em média R$150,00 e é vendida na Sephora, na Beleza na Web, na The Beauty Box (inclusive lojas físicas) e em outras lojas online.
Espero que tenham gostado!
Um beijo e até o próximo post!
Aqui alguns posts sobre blush:
Resenha: Paleta de Blush ‘Bare Blush’ da RK by Kiss – Cor Baring Bare
Vídeo: Como combinar blush com a maquiagem
Resenha: Blush Ruby Rose – Cor B17
Resenha: Blush Fit Me da Maybelline – Cor Tão Eu
Agora também tem vídeo!!!!! Como aplicar blush
Pincéis para o rosto: Pincel de Blush – Dicas e resenhas

 

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply